7 exemplos de liderança para os empreendedores

Fonte: Camila de Almeida – Exame.com

Conheça os pontos negativos e positivos de cada um para comandar melhor a sua empresa

As pequenas empresas costumam ficar muito ligadas à imagem do empreendedor. O dono costuma ser o líder de quase tudo. É ele que toma decisões, delega tarefas e é responsável pelo negócio.

Nas grandes companhias, os sócios ou fundadores acabam virando exemplos de liderança e passam a formar novos líderes. Para os especialistas, os empreendedores devem fazer o mesmo para crescer. É a etapa de profissionalizar a empresa, é ser um líder que lidera líderes”, explica Fernando Blanco, diretor do Institute of Performance and Leadership (iPL).

A figura do líder, segundo o consultor Eduardo Ferraz, reúne dominância, influência, estabilidade e conformidade. Confira a seguir os oito principais tipos de líderes e em qual você se encaixa.

1 Comandante

Representa o perfil de generais, que têm domínio da situação, não têm tempo a perder e, por conta disso, acabam sendo respeitados. Pela sua rapidez, podem ser mais eficientes em momentos críticos da empresa. O aspecto negativo, pontuado por Blanco, é que este tipo concentra mais as decisões, o que cria um nível maior de dependência da empresa em relação a ele. O empresário Abílio Diniz, presidente do conselho de administração do Grupo Pão de Açúcar, é citado como um líder comandante, mas que passou a ser precursor.

2 Visionário

Este estilo de líder se caracteriza pela capacidade de inspirar aqueles que trabalham com ele e que o seguem pela visão que possui diante do negócio, não pela sua autoridade em si. O lado ruim é que a empresa depende também desta qualidade como fio condutor do negócio. O exemplo mais emblemático é de Steve Jobs, fundador da Apple. Ele foi um líder visionário, na opinião dos especialistas. Jobs também se encaixa nos perfil de líder estressado, que costuma ser agressivo, exigente e rápido.

3 Acelerador

 Consegue alcançar resultados de alta performance, mas os empregados têm que acompanhá-lo. Devido à impaciência dele, os funcionários trabalham sob pressão e podem até desenvolver problemas de saúde. Marcel Telles, diretor e presidente do conselho administrativo da Ambev, é um exemplo, devido à trajetória de crescimento do grupo nos últimos anos.

4 Coach

 Costuma se preocupar com a melhoria de cada funcionário e atua na linha de educador e ‘paizão’. Por conta disso, pode ter dificuldades em demitir quando o empregado não tem a performance adequada.  Tais características são atribuídas a Norberto Odebrecht, fundador da construtora homônima.

5 Democrático

Neste caso, os especialistas ressaltam a característica de delegar mais do que decidir. Geralmente, líderes deste tipo comandam equipes mais avançadas e conseguem aproveitar o conhecimento dos colaboradores.  Este é o estilo de Louis Gerstner que, durante os anos 90, reintegrou as divisões da IBM e priorizou os serviços oferecidos pela empresa.

6 Sociável

Este líder costuma ser adorado por todos, é carismático e animado, valoriza o trabalho em equipe e traz resultados pelo poder do discurso.  Embora seja bem visto, em termos práticos, pode pecar pela falta de organização, esquecimento e atrasos. Silvio Santos é um bom exemplo.

7 Perfeccionista

Este tipo de líder, segundo os especialistas, costuma ser obsessivo por detalhes. Geralmente, ele é mais voltado à área técnica do que propriamente à gestão de pessoas. Pode ser metódico e centralizador, o que pode prejudicar o ritmo de crescimento da empresa. Bill Gates entraria nesta categoria.



Nenhum comentário.

Deixe uma resposta